conecte-se conosco
Cursos 24 Horas - Cursos 100% Online com Certificado
-

Protesto

Dor, revolta e protesto marcam o velório do jovem executado pela Rocam

Publicado

em

Manaus – Na tarde desta quarta-feira(31), familiares e amigos do jovem de 20 anos, identificado como Andrio de Sousa Silva , fizeram uma passeata pelas ruas do Parque 10 de novembro, pedindo justiça pela morte do jovem, executado pela Polícia Militar (Rocam), na noite de ontem, terça-feira(30), no Bairro da União, zona Centro-Sul de Manaus.

Durante o protesto, populares incendiaram um veículo na via e policiais da 12° Companhia Interativa Comunitária de Polícia (CICOM) foram acionados para o local.

Meu neto foi morto após uma barbaridade. Eu tenho certeza que a Justiça de Deus é justo. Acabaram com a nossa família e com os nossos corações. Toda nossa família é trabalhadora, ele era um trabalhador. Pedimos Justiça“, clamou a avó. 

De acordo com os familiares a intenção do protesto foi para pedir celeridade no processo de investigação sobre a morte de Andrio. Além disso a família também aguarda um posicionamento da Polícia Militar do Estado do Amazonas (PCAM) que até o momento não se pronunciou sobre o crime.

A informação com veracidade é a marca registrada do nosso site 📰

Mais notícias