conecte-se conosco

Homicídio

Gravida é brutalmente executada a tiros no Mutirão

Publicado

em

Manaus – No final da noite de ontem, sexta-feira (24), uma mulher identificada como Pérola Eduarda foi brutalmente executada a tiros, na rua 50, do bairro Mutirão, zona Norte de Manaus. A vítima estava grávida de dois meses e foi executada a tiros e filmada pelos criminosos.

A vítima tinha um relacionamento amoroso com o adolescente Tiago Costa dos Santos, de 17 anos, que também foi executado por volta das 20h, no bairro Monte das Oliveiras, situado na zona Norte de Manaus.

Thiago era do regime semiaberto e foi preso por envolvimento com tráfico de drogas e a morte dele pode ter sido motivada por acerto de contas, já Pérola não se sabe se tinha envolvimento com o tráfico.

Segundo a polícia, os assassinos, chegaram em um veículo Chevrolet, modelo Ônix, de cor prata, placa PHE-3569, na rua 24 da comunidade Agnus Dei, no bairro Monte das Oliveiras, invadiram o quitinete onde estavam dois jovens e os executaram. Em seguida, oscapturaram duas mulheres e, supostamente duas crianças, que foram forçadas a entrar no veículo, que em seguida seguiu, tomando rumo ignorado.

Cerca de duas horas depois, por volta das 22h, populares acionaram a polícia informando que uma mulher havia sido morta no bairro Mutirão.

Com a chegada da Polícia Militar, foi verificado que a jovem assassinada portava um celular, e havia sido alvejada com 12 disparos, principalmente na face e na cabeça, possivelmente com a mesma pistola que os jovens do duplo homicídio foram executados.

Minutos depois, o pai da vítima chegou no local e confirmou que se tratava de Pérola Eduarda e, que namorava o adolescente Tiago e que estaria com cerca de oito semanas de gravidez.

Um vídeo viralizado mostra o momento em Pérola, já com as mãos amarradas, é friamente executada no local onde caiu sem vida.

Ainda não se sabe o paradeiro da outra mulher sequestrada, nem das crianças. Os nomes das pessoas envolvidas no homicídio também não foram identificadas, mas as Polícias Civil e Militar seguem averiguando.

Assista o vídeo do momento da execução da jovem grávida.

A informação com veracidade é a marca registrada do nosso site 📰

Mais notícias